Sobe para 0,51% a prévia da inflação oficial em abril

Prévia da inflação oficial do País, o IPCA-15 está apontando avanço para abril. O indicador ficou em 0,51%. No mês passado, foi de 0,43%.

A trégua passou rápido. Os alimentos subiram bastante e estão empurrando a inflação para cima.

Além das frutas, outros produtos ficaram mais caros de um mês para o outro. O IBGE destaca o açaí (11,80%), cenoura (8,77%), leite (5,76%), hortaliças (5,02%), batata-inglesa (4,80%) e feijão-carioca (4,19%). Por outro lado, o tomate (-8,63%) e a cebola (-3,35%) ficaram mais baratos.

Pressão também dos preços dos remédios. Ficaram em média 2,64% mais caros, com reflexo parcial do reajuste anual autorizado no fim de março.

Fonte: Rádio Gaúcha

Termina nessa semana o pagamento antecipado do IPVA

Termina na próxima quinta-feira (31) o prazo para que o motorista faça o pagamento antecipado do IPVA no Rio Grande do Sul. O desconto máximo, em março, chega a 20,8%.

No mesmo dia, vence também a terceira parcela de quem optou, ainda em janeiro, em dividir o imposto em três vezes. Proprietários que até agora não fizeram o pagamento devem ficar atentos para o calendário para quitação conforme o número final da placa do veículo, que vigora apenas no mês de abril.

Na próxima segunda-feira já é a data-limite para placas com final UM, e o vencimento dos números seguintes ocorre sempre a cada dois dias úteis. Devem pagar o IPVA proprietários de veículos fabricados a partir de 1997.

Comércio registra queda nas vendas para argentinos

Aconteceu uma diminuição significava nas últimas semanas de argentinos realizando compras no comércio de São Borja. A instabilidade política no país e a diminuição no preço do dólar e peso são fatores apontados para a queda.

O presidente do Sindilojas, Ibraim Mahamud, espera que aconteça uma estabilidade política nos próximos meses, que acabará resultando em melhora das vendas no comércio. Quando acontecem momentos como os que estão sendo registrados nas últimas semanas, acaba acontecendo uma insegurança no consumidor para realizar novas compras, tanto à vista como a prazo.

Os argentinos representaram nos últimos meses um incremento bastante positivo para o comércio local. Em dezembro, por exemplo, segundo dados do Sindilojas, a comercialização se manteve em patamares positivos, graças aos clientes estrangeiros.

Páscoa deve movimentar o comércio nessa semana

Apesar de não divulgar projeções em números, o Sindilojas espera aumento no movimento do comércio nessa semana devido ao feriado de Páscoa. Além dos chocolates, os bazares que comercializam itens relacionados à páscoa devem ter incremento nas vendas.

O presidente da entidade, Ibraim Mahamud, diz que, como tradicionalmente acontece, o setor de chocolates deverá liderar as vendas em 2016. Ainda não é possível precisar, mas o Sindilojas espera que os patamares de comercialização se mantenham parecidos com o do ano passado.

Mahamud diz que nos últimos anos aumentou de forma significativa a comercialização de vestuários neste período do ano, como opção de presentes. Como na próxima sexta-feira (25) é feriado, os lojistas esperam movimento ampliado na quinta-feira (24) e no sábado (26), datas comerciais que antecedem a páscoa.

Segundo Sine, 363 pedidos de seguro-desemprego foram apresentados em São Borja

De 1° de janeiro a 15 de março deste ano, 363 pedidos de seguro-desemprego foram apresentados em São Borja através da Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS/Sine). Apesar da recessão econômica e do aumento no nível de desemprego, o número de pedidos de seguro é menor do que os 418 registrados no mesmo período do ano passado.

O motivo apontado para essa diminuição é a mudança de regras pelo Ministério do Trabalho e Emprego. De acordo com essas determinações, aprovadas no final do ano passado, são mais rigorosos os critérios e menores as chances do trabalhador garantir o benefício.

As unidades do FGTAS/Sine passaram a facilitar os atendimentos, mediante agendamentos. Isso vale inclusive para agência de São Borja e abrange encaminhamentos relacionados ao seguro-desemprego.

Os agendamentos devem ser feitos através do site da Fundação, mediante a informação do nome, CPF e telefone do interessado. Na data e horário marcados, é necessário comparecer à unidade da FGTAS, com toda a documentação necessária no caso de encaminhamento de seguro-desemprego.
Em São Borja, em função da demanda menor que em grandes centros, o agendamento tanto pode ser feito via internet ou diretamente na unidade da FGTAS/Sine. Números divulgados e relativos ao período de novembro a fevereiro mostram que 30.649 atendimentos foram prestados no Rio Grande do sul.

Apesar da crise, vagas de emprego estão sendo criadas em São Borja

Na contramão da crise econômica no país, vagas de emprego estão sendo abertas em São Borja através da unidade local da Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS/Sine). Nos primeiros 15 dias de março, 27 vagas foram preenchidas, principalmente na área do comércio.

A maior demanda foi para as funções de vendedor e caixa de loja, com sete oportunidades em cada caso. Outras vagas estão abertas nos mesmos segmentos de atividade, segundo lista que pode ser conferida diretamente no Sine.

São cerca de sete mil trabalhadores registrados no banco de cadastro da unidade local do FGTAS/Sine. Desses candidatos a empregos, boa parcela tem conseguido ocupação, havendo, porém, rotatividade.

O cadastro dá o perfil do trabalhador, com destaque para o nível de preparo profissional, havendo também um cadastro das empresas empregadoras e suas demandas.

Expediente

Andres Editora Jornalística Ltda.
Rua General Osório, 2341/Sala 1 - Centro São Borja,RS - 97670-000

Fones: (55)3431-1100 / 3431-2394
Email: folhadesaoborja@gmail.com

assinatura