• Guia

Professores da rede estadual de ensino protestaram nesta sexta-feira, dia 1° de setembro, contra o parcelamento de salários, em frente a uma agência bancária em São Borja. A manifestação foi aprovada no Conselho Geral do Cpers em Porto Alegre.

“Hoje de manhã, em função do movimento, não ocorreu a contabilização de quantas turmas e quais escolas não tiveram aulas. Mas acredita-se que foram poucas turmas com aulas. Porque a indignação da categoria é muito grande”, analisa Elizabethe Braga, representante 1/1000 do Cpers de São Borja.

Para segunda-feira, dia 4, é planejado ato, na Praça XV de Novembro, às 15 horas, com bandeiraço, chimarrão e conversa com o público sobre a situação. Os salários vem sendo parcelados pelo governo do estado desde julho de 2015. Na terça-feira, outra Asssembleia Geral, em Porto Alegre, decidirá sobre a continuação do movimento.

Por Vitor Kellner

Expediente

Andres Editora Jornalística Ltda.
Rua General Osório, 2341/Sala 1 - Centro São Borja,RS - 97670-000

Fones: (55)3431-1100 / 3431-2394
Email: [email protected]

assinatura