Podemos dizer que este é o profissional médico mais presente na vida das mulheres, em diferentes fases. Na puberdade e adolescência, na introdução aos métodos contraceptivos, no início da vida sexual, na gestação, no tratamento de condições médicas, na menopausa e em tantas outras questões, é com o ginecologista que podem contar. A ginecologia, considerada a ciência da mulher, é a especialidade médica responsável por estudar, diagnosticar e tratar questões fisiológicas e patológicas da saúde feminina, especificamente à do aparelho reprodutor (ovários, vagina e útero) e mamas. Então, ginecologistas são profissionais especializados que prestam atendimento e dão especial atenção à saúde da mulher.

O acompanhamento ginecológico deve fazer parte da rotina de toda mulher. Isso porque a prevenção continua sendo o melhor caminho para evitar problemas e ter uma boa saúde. Muitas doenças não se mostram através de sintomas visivelmente perceptíveis, como corrimento, dor e coceira, por exemplo. Apenas com uma consulta ao ginecologista, a realização de exames e uma avaliação completa que se poderá descobrir quaisquer alterações ou irregularidades e buscar a melhor forma de tratamento.

Normalmente, o primeiro contato das mulheres com os profissionais de ginecologia acontece na adolescência, quando o pediatra não é o médico mais adequado para acompanhar e solucionar questões que envolvem, por exemplo, o início da vida sexual.

Para manter uma rotina saudável e preventiva, recomenda-se que a mulher vá pelo menos uma vez ao ano ao ginecologista, para que ele possa avaliar quais exames são necessários e garantir uma boa saúde sexual, reprodutiva e hormonal. Vale destacar que a maioria das doenças, quando descobertas na fase inicial, tem mais chances de serem diagnosticas e tratadas com maior eficiência.

Ginecologia e obstetrícia

É comum que ginecologistas também trabalhem ou tenham amplo conhecimento em obstetrícia, devido à proximidade das áreas. Enquanto o ginecologista atua nas diversas esferas da saúde da mulher, o obstetra se volta ao período gestacional, ao parto e ao pós-parto. Normalmente, a especialização do médico contempla ambas as áreas, fazendo com que, muitas vezes, seja complexo separá-las, logo que durante a gestação, o obstetra será capaz de atender às necessidades da saúde íntima da mulher também.

Prevenção de doenças

Existem uma série de exames que podem ser requisitados pelo ginecologista, sendo a grande maioria meios de prevenção e diagnóstico prévio para uma série de doenças. Papanicolau, ou citologia do colo uterino, e a mamografia são alguns exames necessários que devem ser realizados periodicamente. Em geral, recomenda-se ir ao ginecologista pelo menos uma vez por ano.

As consultas não devem ser unicamente com a intenção de avaliar possíveis problemas como alterações da menstruação, cólicas, alterações nas mamas e TPM, mas para buscar orientações e esclarecer dúvidas que acontecem em cada fase da vida, bem como a prevenção de doenças sexualmente transmissíveis e outras que venham a surgir.

Minimizar os efeitos da TPM

A temida tensão pré-menstrual (TPM) é um conjunto de sintomas físicos e psicológicos que altera a qualidade de vida. Alguns sintomas podem causar um enorme desconforto a rotina da mulher, que vão desde dores nas mamas, fadiga, dor nas costas e nos membros inferiores até sintomas de irritabilidade excessiva, nervosismo e instabilidade emocional. Apenas com orientação de um médico ginecologista será possível minimizar os efeitos da TPM e começar um tratamento apropriado. Para casos mais graves são recomendados medicamentos que podem ser utilizados para amenizar o problema.

Somente a ida regular ao ginecologista poderá ajudar a lidar com o incômodo e a descobrir precocemente se há alguma doença, antes mesmo que ela se instale e cause um mal maior.

Esclarecer dúvidas sobre relação sexual

Devo tomar ou não anticoncepcional? Devo fazer exames periódicos para prevenir as Doenças Sexualmente Transmissíveis ou não? Estas são algumas dúvidas que surgem e que apenas podem ser esclarecidas através de visitas ao ginecologista.

Seja por timidez, constrangimento ou receio que o profissional médico possa compartilhar suas dúvidas com amigos ou parentes, muitas mulheres acabam não comparecendo ao ginecologista para esclarecer dúvidas da vida sexual e assim acabam desconhecendo o próprio corpo.

O fato é que o médico é a pessoa mais indicada para ajudar a viver melhor sua vida sexual e desmistificar certos tabus construídos pela sociedade.

CLÍNICA SAÚDE DA MULHER

Dr. Alexandre Duarte Brum

CREMERS 28.133 | RQE 26357

Ginecologia | Obstetrícia | Ultrassonografia

Rua Olinto Arami silva, 604 | Fones 3431.2469 | 98454.6122

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Expediente

Andres Editora Jornalística Ltda.
Rua General Osório, 2341/Sala 1 - Centro São Borja,RS - 97670-000

Fones: (55)3431-1100 / 3431-2394
Email: [email protected]

assinatura