Durante um período de 60 dias as queimadas estão proibidas em todo o território nacional. A medida é uma resposta aos incêndios na região da Amazônia, e foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) na quinta-feira, dia 29. A decisão é tomada em meio à pressão internacional para que o governo controle incêndios florestais.

O decreto autoriza o uso de fogo em vegetações nesse período em apenas três casos: para controle fitossanitário (preservação ou defesa dos vegetais), prática de prevenção e combate a incêndios ou agricultura de subsistência executada por populações tradicionais e indígenas.

Pelos dados do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), desde janeiro foram registrados 83.329 focos de incêndios florestal no Brasil, o que representa um aumento de 77% em relação ao mesmo período de 2018. Com a medida, a prática passa a ser mais restrita nos próximos dois meses, antes do início da estação chuvosa na Floresta Amazônica.

Fonte: Agência Brasil

Por: Eduardo Castro

Expediente

Andres Editora Jornalística Ltda.
Rua Riachuelo, 928 - Centro São Borja,RS - 97670-000
Fones: (55)3431-1100 / 3431-2394
Email: folhadesaoborja@gmail.com

assinatura