Os alagamentos que atingem a Região Metropolitana desde o início da semana seguem prejudicando a distribuição de combustíveis no Estado.

Nessa quinta-feira (16), a rede varejista começou a enfrentar a falta de gasolina nas bombas. A expectativa é que a normalização da operação dos terminais de abastecimento, localizados em Canoas e Esteio, ocorra até o final de semana. "Temos problemas, mas eles são pontuais. Não vai faltar gasolina em uma cidade inteira, por exemplo.

Os postos estão recebendo combustível, mas em quantidades menores", relata o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis (Sulpetro), Adão Oliveira.

De acordo com a entidade, os postos seguem sendo abastecidos, mas com quantidades menores de combustíveis. Os problemas começaram na última terça-feira (14), quando os alagamentos causados pelas fortes chuvas deixaram três terminais embaixo d'água.

Apenas um manteve a operação, justamente o que tem a menor capacidade. Com o escoamento da água, três terminais estão em funcionamento (Ipiranga, Schell e Unibraspe).

O setor da BR Distribuidora, responsável por 40% dos carregamentos, segue com problemas. Para atenuar os problemas, há caminhões-tanque trazendo combustíveis do Paraná.

Fonte: Rádio Gaúcha

Expediente

Andres Editora Jornalística Ltda.
Rua General Osório, 2341/Sala 1 - Centro São Borja,RS - 97670-000

Fones: (55)3431-1100 / 3431-2394
Email: [email protected]

assinatura