Campanha de vacinação contra a gripe termina nesta sexta-feira

Em abril, o Ministério da Saúde, iniciou mais uma etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe A. O prazo encerra nesta sexta-feira, dia 31 de maio.

 

Em São Borja, a procura por vacina vem crescendo nos últimos dias da campanha. O número de idosos vacinados ultrapassou a estimativa, com previsão de atingir 8.469 pessoas, vacinou 9.450, ou seja, 111,58%. De acordo com o levantamento divulgado na última segunda-feira, apenas crianças, gestantes e pessoas com doenças crônicas ainda estão por atingir a meta estabelecida para imunização.

 

De acordo com a Central de Vacinas da Secretaria Municipal de Saúde, devem ser vacinadas 4.239 crianças de seis meses a cinco anos e, por enquanto, foram aplicadas 3.566 doses - 84,12%. Quanto às gestantes, são previstas 605 e foram imunizadas 461, ou seja, 76,20%. No município devem ser vacinados 8.856 doentes crônicos e foram aplicadas 5.957 doses, o corresponde a 67,27%. Em relação aos demais grupos, a cobertura vacinal prevista de 90% já foi atingida.

 

Quem é abrangido em um dos grupos prioritários e ainda não se vacinou deve procurar a Central de Vacinas (antigo hospital São Francisco) ou uma das ESFs (Estratégias de Saúde da Família). No interior a vacinação é feita pelas unidades móveis da Secretaria Municipal da Saúde.

 

Fonte: Decom/Prefeitura

Por: Victor Silva

Oncologista Dr. Tiago Camícia alerta para a importância do diagnóstico precoce na luta contra o câncer

 

O que é o câncer

O câncer surge quando uma célula do corpo sofre um conjunto de mutações que a fazem se proliferar desordenadamente, invadir locais onde não deveria estar e escapar de mecanismos de defesa do organismo que a destruiriam. Esse crescimento descontrolado pode acontecer em diferentes áreas, como pulmão, cólon, mama, cérebro, pele, lábios, ossos, nervos, intestino, estômago.

O desenvolvimento anormal da célula acontece por um defeito no DNA. Essas alterações podem ser herdadas dos pais, pipocar de modo espontâneo ou decorrer de agentes externos, como cigarro, vírus, exposição excessiva ao sol, obesidade e consumo de certos alimentos. Aos poucos, as células tumorais tomam o lugar das saudáveis e abalam o funcionamento do órgão afetado. Quando a doença avança, pode se espalhar pelo corpo, fenômeno conhecido como metástase. Aí o tratamento fica mais complexo. Estudo realizado pelo movimento ‘Todos Juntos contra o Câncer’ mostrou que a mortalidade por câncer vem aumentando. De 1998 a 2015, o número de mortes contabilizadas aumentou de 111 mil para 209 mil mortes.

O câncer é a segunda causa de mortalidade no país, ficando em primeiro lugar as doenças cardiovasculares como infarto agudo do miocárdio e acidente vascular cerebral. Esse aumento importante é devido ao aumento na expectativa de vida, hábitos de vida não-saudáveis como o tabagismo, alcoolismo e sedentarismo. Apesar de o câncer ser a segunda causa de mortalidade no país, em 10% das cidades, ele já é a principal causa de mortalidade e é provável que em 2030, o câncer seja a principal causa de mortalidade no Brasil. A região Sul concentra o maior número de cidades onde o câncer é a principal causa de mortalidade com 140 municípios.

Assim como a incidência de câncer vem aumentando, várias descobertas científicas avançaram melhorando os diagnósticos, procedimentos cirúrgicos e tratamentos oncológicos. Porém o diagnóstico precoce continua sendo a maneira mais fácil de controlar e curar o câncer.

Leia mais...

Dia do Desafio acontece nesta quarta-feira

Os confrontos saudáveis para o Dia do Desafio 2019 acontecem nesta quarta-feira, dia 29 de maio, em milhares de cidades brasileiras. O evento propõe que as pessoas interrompam suas atividades rotineiras e pratiquem, por pelo menos 15 minutos consecutivos, qualquer tipo de atividade física.

No Desafio São Borja enfrentará o município de Barbalha, no Ceará. A abertura das atividades será às 7 horas, na academia do Sesc com a realização de diversos exercícios e a abertura oficial acontece às 8 horas, na rua Aparício Mariense, em frente à Prefeitura com a participação do exército, escolas e academias de ginástica.

A programação segue na parte da tarde. No Parcão, entre 14 e 17 horas, o 2º RC Mec estará realizando cabo de guerra. No Sesc a partir das 14 horas, haverá atividades físicas com a participação das escolas. Às 17 horas, será realizada atividade para integrantes do Maturidade Ativa e às 18 horas, acontece o desafio do futsal feminino.

Encerrando as atividades, a Ascors promoverá treino para corridas no Parcão, a partir das 19 horas.

Valdi Ercolani lançou sua nova obra em São Borja

O escritor são-borjense Valdi Ercolani em parceria com a Selene Editora lançou a sua mais nova obra, no dia 24 de maio, na Casa Memorial João Goulart onde foi muito prestigiado por autoridades, amigos e leitores.

O autor apresentou o quarto livro de jornada existencial de autodescoberta, “Inocêncio em busca do grande Homem”. A obra narra à história de Inocêncio que sacrifica suas ilusões e vai em busca do seu destino na esperança de um dia ser livre e governar a si mesmo.

O personagem de 80 anos continua seu longo processo de autodescoberta, questionando o absurdo das realidades e examinando o paradoxo das relações entre os homens, e segue uma rota para surpreender o leitor com uma trajetória de crescimento espiritual.

O ponto de partida da história com 265 páginas ocorre em um momento muito significativo da história do Brasil, com as dificuldades que o presidente João Goulart enfrentava nas relações Brasil-Estados Unidos em 1963, a sua deposição pelas Forças Armadas em 1964 e a perseguição implacável dos órgãos de repressão contra os opositores do governo militar.

Inocêncio entra num estado de perturbação quando percebe que esta nova visão de mundo se mostra contrária à verdade que lhe foi ensinada. Passa a enfrentar situações que trazem problemas éticos, que dizem respeito às suas escolhas, as quais exigem um juízo de valor entre o que é considerado o bem e o mal, o certo e o errado.

Horas na frente do computador, ou outros produtos eletrônicos audiovisuais, podem causar doenças oculares e até cefaleia. Saiba como prevenir com o oftalmologista Dr. Luiz Fernando Munareto

 

Você sabe o que é Síndrome do Olho Computador?

A Síndrome do Olho Computador é um resultado dos tempos digitais. Ao utilizarmos produtos eletrônicos audiovisuais como computadores, tablets, celulares e jogarmos videogames piscamos, em média, um terço menos do que o normal. Como usamos estes equipamentos durante muitas horas seguidas por dia, piscamos muito menos, o que diminui consideravelmente a lubrificação natural de nossos olhos.

Sintomas

Alguns dos sintomas da Síndrome do Olho Computador são:

- Vista cansada;

- Dor de cabeça;

- Olhos irritados ou vermelhos;

- Lacrimejamento;

- Coceira;

- Sensibilidade à luz;

- Dificuldade de conseguir foco;

- Visão de cores alteradas;

- Halos ao redor dos objetos;

- Visão embaçada ou dupla;

- Indução de miopia.

Dicas para evitar os sintomas da Síndrome do Olho Computador

- Realizar consulta oftalmológica periodicamente;

- Correção óptica (miopia, hipermetropia, astigmatismo e presbiopia). Para vista cansada (presbiopia) existem lentes progressivas apropriadas para o uso em computadores;

- Posicionar-se diante do monitor a uma distância entre 50 e 60 centímetros. O topo do monitor deve ficar abaixo da altura dos olhos e nunca acima;

- Utilizar iluminação adequada;

- Posicionar a tela do computador minimizando os reflexos;

- Piscar os olhos frequentemente e utilizar lágrimas artificiais, principalmente em pacientes que usam lentes de contato e/ou apresentam síndrome de olho seco ou aqueles que utilizam o computador em ambientes com ar-condicionado;

- Realizar a regra do 20/20/20: a cada 20 minutos usando a visão de perto, devemos realizar pausas de 20 segundos com o objetivo de olhar para uma distância de 20 pés (06 metros), dessa forma é possível promover o relaxamento e mudança de foco.

Leia mais...

Encceja 2019: inscrições abertas até 31 de maio

As inscrições para o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) vão até o dia 31 de maio. O exame é para jovens e adultos que não conseguiram terminar os estudos na idade adequada e desejam obter certificação do ensino fundamental ou médio.

 

A inscrição é gratuita e deve ser feita pelo Sistema EnccejaPara solicitar o certificado do ensino fundamental, o candidato deve ter no mínimo 15 anos. Para pedir o diploma do ensino médio, é preciso ser maior de 18 anos.

 

As provas serão aplicadas no dia 25 de agosto, pela manhã e pela tarde. Para conseguir a certificação é necessário atingir uma pontuação mínima de 100 pontos em cada uma das áreas de conhecimento exigidas e de 5 pontos na redação.

 

O Sistema Encceja disponibilizou edital e apostilas com material de estudo para os participantes de nível fundamental e médio. O edital do exame tem uma versão em Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Fonte: G1

Por: Victor Silva

Expediente

Andres Editora Jornalística Ltda.
Rua Riachuelo, 928 - Centro São Borja,RS - 97670-000
Fones: (55)3431-1100 / 3431-2394
Email: folhadesaoborja@gmail.com

assinatura