• Guia

Segundo a diretora do Departamento de Vigilância em Saúde, Fernanda Bohn, desde o dia 17, começaram a ser vacinados os principais grupos de risco como mulheres no pós-parto com até 45 dias, idosos a partir de 60 anos, crianças a partir de 6 meses até 5 anos, doentes crônicos com apresentação de receita médica e o Código Internacional da Doença, o CID e professores com comprovante da atividade.

 

Em dez dias de campanha contra a H1N1, o sistema de saúde em São Borja já vacinou mais de 7 mil pessoas de todos os grupos de risco. Ao todo o município receberá 23.676 doses da vacina de acordo com o Ministério da Saúde.

 

As vacinas podem ser tomadas em todos os órgãos de saúde de segunda a sexta na Central de Vacinas, no antigo Hospital São Francisco das 7 às 12 horas e das 13 às 16 horas nas (ESF’s), Estratégia Saúde da Família das 7h30min às 11h30min e das 13 às 17 horas e nos sábados ambos os locais das 7 horas ao meio dia. A campanha segue até o dia 26 de maio.

 

Por Bruno Borges e Ricardo Godoy

Expediente

Andres Editora Jornalística Ltda.
Rua General Osório, 2341/Sala 1 - Centro São Borja,RS - 97670-000

Fones: (55)3431-1100 / 3431-2394
Email: folhadesaoborja@gmail.com

assinatura