• Guia

A solenidade ocorreu no Palácio Piratini, no dia 9 de janeiro, onde o governo José Ivo Sartori assinou a lei que denomina São Borja a Capital Gaúcha do Fandango. O evento contou com inúmeras autoridades do município e representantes de quatro entidades tradicionalistas Centro Nativista Boitatá, CTG Tropilha Crioula, PTG João Manoel e CFTG Farroupilha.

Durante a solenidade, prendas e peões se apresentaram dançando alguns ritmos da cultura gaúcha, dando uma mostra dos motivos que levaram a cidade ser reconhecida como a maior semana Farroupilha do Rio Grande do Sul.

São Borja chamou a atenção do jornalista Giovanni Grizotti pela qualidade e investimentos das programações das entidades durante a Semana Farroupilha. A partir de uma série de reportagens, Grizotti chamou o município de Capital do Fandango.

Aproveitando a distinção dada pelo jornalista, o vereador Élvio Feltrin apresentou a ideia ao Deputado Estadual Lucas Redecker, que encaminhou o projeto de lei, o qual foi aprovado no dia 5 de dezembro de 2017 com 45 votos na Assembleia Legislativa.

Fonte: Decom

Expediente

Andres Editora Jornalística Ltda.
Rua General Osório, 2341/Sala 1 - Centro São Borja,RS - 97670-000

Fones: (55)3431-1100 / 3431-2394
Email: [email protected]

assinatura