• Guia

A Polícia Federal de São Borja e de Santa Maria, com apoio da Polícia de Civil de Santiago e da Brigada Militar de Tupanciretã, deflagram, no dia 22, a operação Junguzu, com o objetivo de cumprir mandados de busca e apreensão e de prisões temporárias para apurar uma tentativa de homicídio que ocorreu no mês de abril, na cidade de Capão do Cipó, contra o presidente do Sindicato dos Municipários da cidade, Giovani Luiz Diedrich, de 43 anos. O crime está sendo investigado pela Delegacia da Polícia Federal de São Borja.

Segundo informações, na noite de 19 de abril, três homens armados com revólveres entraram na loja do sindicalista, no centro de Capão do Cipó, e o agrediram com coronhadas na cabeça, além de efetuarem disparos em sua direção. Ele acabou sendo baleado em um dos pés.

A operação foi desencadeada na cidade de Tupanciretã, cidade dos suspeitos. Na ação policial, foram apreendidas maconha, balança de precisão, um notebook e celulares, e dois suspeitos do crime foram presos e trazidos para a sede da Polícia Federal de São Borja para prestar depoimento, e após foram conduzidos ao Presídio Estadual de São Borja, onde ficaram por cinco dias, a contar do dia de suas prisões.

A investigação continua no sentido de identificar os demais envolvidos e a motivação do crime.

 

operacao2

Um dos suspeitos foi preso em sua propriedade

Por Gelci Saraiva

Expediente

Andres Editora Jornalística Ltda.
Rua General Osório, 2341/Sala 1 - Centro São Borja,RS - 97670-000

Fones: (55)3431-1100 / 3431-2394
Email: [email protected]

assinatura