• Guia

Jovens são encontrados mortos em São Francisco de Assis

Dois jovens foram encontrados mortos em um rio neste fim de semana em São Francisco de Assis. Polícia está investigando o caso.

No domingo (25) foi encontrado boiando o corpo de Aline Fontoura. O fato aconteceu no rio Inhancundá, na localidade de Poço da Pedra, em São Francisco de Assis.

Nesta segunda-feira (26) Anderson Bettim Siqueira foi encontrado no mesmo local por bombeiros mergulhadores de Santa Maria. O casal estava desparecido desde o sábado (24).

Serão realizados exames de necropsia para apontar a causa da morte do casal. A Polícia Civil trabalha com a hipótese de afogamento.

BM aguarda resposta sobre ampliação do efetivo para o carnaval

A Brigada Militar (BM) em São Borja ainda aguarda posicionamento final sobre o pedido de ampliação do efetivo para os eventos de carnaval. Algumas reuniões já foram realizadas para debater a questão.

O Comandante da BM na cidade, Tenente Coronel Edson Damião, confirmou que o pedido já foi encaminhado ao comando geral, solicitando reforço no policiamento. A previsão é que até o final do mês a decisão final seja divulgada.

Em reunião realizada entre Brigada Militar, Escolas de Samba e Comissão Organizadora dos eventos carnavalescos, ficou definida a necessidade de ampliação da segurança.

O reforço foi solicitado para desfile das escolas de samba no dia 13 de fevereiro e o Cais Folia nos dias 14, 15 e 16 de fevereiro.

Ciclista é atropelado na BR 287

Mais um acidente de trânsito aconteceu na BR-287, próximo a São Borja. A Polícia Rodoviária atendeu a ocorrência.

O ciclista, Altidor Alves de Lima de 72 anos, estava atravessando a rodovia, quando uma caminhonete Eco Sport acabou atropelando a vítima.

Lima sofreu lesões na região da cabeça no momento da queda. O motorista do veículo, Bruno Ruthner, nada sofreu.

O ciclista foi levado pela ambulância do SAMU ao pronto socorro do Hospital Ivan Goulart. Os veículos foram recolhidos ao depósito do Detran.

São-borjense conhecido como Chuteira Verde continua desaparecido

A Polícia Civil de São Borja trabalha na investigação do caso de desaparecimento de Fernando Medeiros Mendes, 33 anos, o "Chuteira Verde". Segundo registro feito na Delegacia de Polícia em quatro de janeiro, o homem está desaparecido desde 29 de dezembro de 2014.

"Chuteira Verde" foi visto pela última vez por amigos quando estava no Cais do Porto. A família aponta um suspeito que realizou ameaças em uma rede social, através de um perfil falso. Conforme relato de um familiar, o perfil falso teria indicado o furto de um veículo como as causas de ameaças de morte.

Dias depois Chuteira Verde desapareceu, sem deixar pistas. Segundo a Central de Polícia, o desaparecido possui registros por casos de furto e envolvimento com drogas. Segundo a escrivã Marciele Moura, responsável pela área de investigações da Polícia Civil, até o momento está descartada a hipótese de morte de Mendes. A equipe realiza linha de investigação através de relatos de amigos, familiares e pessoas próximas do desaparecido para buscar pistas que ajudem em sua localização.

As ameaças nas redes sociais não estão descartadas pela Polícia Civil que também investiga a questão. No dia 29 de janeiro completa-se um mês do desaparecimento de "Chuteira Verde".

Novo golpe está sendo aplicado na cidade

Um novo golpe está sendo aplicado em São Borja. Após receber as informações, polícia já começou a investigar o caso.

Lisiane da Silveira caminhava pela Praça XV de novembro, quando se aproximou uma mulher e passou a discutir com ela. Sem entender a situação, a vítima começou a responder, sem entender os motivos.

Na sequência chegaram dois rapazes que se aproveitaram do momento de distração e furtaram a bolsa de Lisiane com R$ 30,00. Após o furto, a mulher que havia iniciado a discussão foi embora.

Os suspeitos não foram identificados.

Expediente

Andres Editora Jornalística Ltda.
Rua General Osório, 2341/Sala 1 - Centro São Borja,RS - 97670-000

Fones: (55)3431-1100 / 3431-2394
Email: [email protected]

assinatura