Na terça-feira, dia 23, a Quinta Turma do Supremo Tribunal Federal reduziu através de votação unanime a sentença do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sendo agora de 10 anos, 8 meses e 20 dias, pelo caso tríplex.

 

O recurso havia sido apresentado por Cristiano Zanin, advogado de defesa de Lula, na intenção de anular a condenação de Lula. A decisão foi tomada através dos votos de Félix Fischer, Jorge Mussi, Reynaldo Soares e Ribeiro Dantas. Sendo agora, necessária a decisão da juíza Carolina Lebbos, sobre a aprovação da progressão de regime ou não.

 

O petista inicialmente foi sentenciado a uma pena de 9 anos e seis meses, recebida pelo Juiz Sérgio Moro. Em seguida, foi aumentada pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região para 12 anos e um mês de prisão, sendo 9 anos e seis meses por crime de corrupção e 3 anos e 9 meses por lavagem de dinheiro. Lula está preso desde o mês de abril de 2018.

Fonte: O Sul

Por: Cristiano Ritzel

Expediente

Andres Editora Jornalística Ltda.
Rua General Osório, 2341/Sala 1 - Centro São Borja,RS - 97670-000

Fones: (55)3431-1100 / 3431-2394
Email: [email protected]

assinatura