• Guia

Agropecuaristas de São Borja obtêm liminar contra cobrança abusiva da RGE Sul

O Sindicato Rural de São Borja e a Associação dos Arrozeiros do município, através do Escritório Cabeleira e Bonfá Advogados Associados, obtiveram decisão liminar, em ação coletiva contra a distribuidora de energia elétrica RGE para coibir práticas abusivas na cobrança de Recuperação de Consumo. A liminar foi concedida pela juíza Magali Ruperti Rabello Ribeiro, substituta da 3ª Vara Cível.

 

De acordo com o advogado Márcio Bonfá, este tipo de cobrança ocorre quando há deficiência no equipamento contador, impossibilitando a medição do gasto efetivo com energia. Nesta situação a concessionária arbitra o valor da conta com base na medição de outros meses, operação denominada de Recuperação de Consumo.

 

 

Com a decisão a RGE não poderá mais emitir avisos de corte por conta de atraso no pagamento da Recuperação de Consumo e está obrigado a separar as contas dos produtores. Em caso de descumprimento da ordem judicial será, inicialmente aplicada multa de até R$ 100 mil à concessionária. A decisão contempla todos os produtores rurais do município, mas ainda é passível de recurso.

Produtores têm até 31 de maio para vacinar o rebanho contra aftosa

A primeira etapa da vacinação contra a febre aftosa no Rio Grande do Sul começou no dia 1° e termina dia 31 de maio. A expectativa para 2018, de acordo com a área técnica da Secretaria da Agricultura, é vacinar 13.736 milhões de animais, entre bovinos e bubalinos. A meta de imunização é de ao menos 90% deste total.

 

Em maio de 2017, a cobertura foi de 98,93% e, em novembro, de 97,48%, segundo dados do governo.

 

A homologação da vacina por parte dos proprietários deve ser informada nas inspetorias de defesa agropecuária até 7 de junho, cinco dias úteis após o término da campanha.

 

Os produtores devem adquirir as doses nas agropecuárias credenciadas, com atenção para as condições de conservação (que deve ser entre 2 e 8 graus) e a aplicação.

 

A multa por não vacinar é de R$ 300,00 por propriedade inadimplente e R$ 60,00 por animal. E se mesmo assim, o criador não declarar, ainda paga R$ 500,00 porque não atendeu o chamado. Antes, os criadores pagavam R$ 60,00 por tudo, propriedade e animais não vacinados.

 

 

Fonte: G1

Por: Stephanie Vieira

Colheita do arroz no Estado está perto de atingir 90%

A colheita da safra 2017/2018 está se encaminhando para a reta de final no Rio Grande do Sul. Foram colhidos até o momento 954.935 hectares, ou 89,1% do total semeado de 1.071.377 ha de arroz no Estado.

O levantamento com os números da evolução da colheita foram divulgados na quinta-feira, dia 3, pela Seção de Política Setorial do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga), baseados nos dados fornecidos pelo Departamento de Assistência Técnica e Extensão Rural (Dater) e Núcleos de Assistência Técnica e Extensão Rural (Nates). Até o período, a produtividade média no RS é de 7.899 quilos por hectare.

A região da Fronteira Oeste permanece sendo a mais adiantada e com maior produtividade até o momento, com 305.623 ha (96,5%) de área colhida, produtividade de 8.262 kg/ha, seguida pelas regionais da Planície Costeira Externa, com 120.719 ha (92,3%) de área colhida, produtividade de 6.939 kg/ha; Planície Costeira Interna, 128.072 ha (89,9%) de área colhida, produtividade 7.447 kg/ha; Campanha, 138.216 ha (85,4%) de área colhida, produtividade de 7.985 kg/ha; Zona Sul, 145.682 ha (83%) de área colhida, produtividade de 8.169 kg/ha; e Depressão Central, 116.623 ha (81,1%) de área colhida, produtividade de 7.999 kg/ha.

Fonte: Irga

15º Encontro da Mulher Rural acontece nesta sexta-feira

O evento é organizado pela Prefeitura e pela Emater, com apoio do Sindicato dos Trabalhadores Rurais e de outras instituições locais e de fora do município.

O 15º Encontro da Mulher Rural em São Borja, acontece nesta sexta-feira, dia 27, no Piquete João Manoel – 2º RC Mec. 

A abertura do evento está marcada para às 9h30min e, logo após, haverá apresentações culturais de iniciativa de mulher do campo. Ao longo do evento, serão oferecidas palestras, orientações e debates. O almoço é gratuito, no próprio Piquete João Manoel. 

Fonte: Decom/Prefeitura

Por: Lauren Serpa

15º Encontro da Mulher Rural acontece no dia 27 de abril

Será realizado em São Borja no dia 27 de abril, o 15º encontro da Mulher Rural. O evento acontecerá nas dependências do Piquete João Manuel, no 2º RC Mec, com organização da Prefeitura e da Emater, e apoio do Sindicato dos Trabalhadores Rurais e de outras instituições locais e de fora do município. A programação será desenvolvida das 9 às 16 horas, com a expectativa de reunir pelo menos 350 mulheres das diversas localidades do interior do município.

 

O encontro terá abertura às 9h30min e, na sequência, haverá apresentações culturais de iniciativa de mulheres do campo. Ao longo do dia, serão oferecidas três palestras de orientações e debates, e às 12 horas almoço gratuito, no próprio PTG João Manuel, e logo após acontecerá show musical com Milena Belladona.

 

A palestra inicial, a partir das 10h30min, terá como tema 'Plantas Bioativas e a Saúde Natural', com abordagem da extensionista rural da Emater/RS Iolanda Oliveira. Na sequência, às 11h30min, a abordagem será sobre 'A mulher e a Família', através do professor e secretário municipal de Educação, João Carlos Reolon.

 

No período da tarde, às 14 horas, será ministrada a palestra de encerramento – 'Viva Melhor e com Saúde'. Serão quatro expositores e debatedores: a fisioterapeuta Morgana Gonçalves, a nutricionista Vanessa Retamoso, o endocrinologista Giancarlo Bina e o médico clínico geral Diego Padão.

Fonte: Decom/Prefeitura

Por: Stephanie Vieira

Talão de Produtor Rural deve ser entregue até o dia 15 de março

Os produtores rurais de São Borja têm até o dia 15 de março para apresentar o talão de produtor rural junto à Secretaria Municipal da Fazenda, todos os talões devem ser entregues inclusive os não utilizados.

O setor de Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) ligado a Secretaria da Fazenda, alerta aos portadores de talões, que a apresentação é anual e obrigatória, para que se mantenham em dia com o calendário a fim de evitar multas e o cancelamento da inscrição de produtor rural.

O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 7 às 13 horas e das 14 às 16h30min, o telefone para contato é o 3431-4033.

Fonte: Decom

Expediente

Andres Editora Jornalística Ltda.
Rua General Osório, 2341/Sala 1 - Centro São Borja,RS - 97670-000

Fones: (55)3431-1100 / 3431-2394
Email: [email protected]

assinatura